Como ficar nos primeiros lugares da busca no Google? Aprenda a usar os Google Bots na sua estratégia

 em Artigo, Branding, Marketing, Marketing Digital, Planejamento Estratégico, Publicidade, Site, Ux Design

Olá, leitores! Sejam bem vindos a mais um insight da Braga Design. Continuando nossa série sobre os termos e estratégias imprescindíveis para se tornar um mestre Yoda do marketing digital, hoje vamos falar de um assunto mais específico: como vencer contra os bots do google.

Esses nossos amigos fuçam nosso site atrás de itens específicos que determinam se o nosso produto e, principalmente, o nosso conteúdo é ou não eficiente. O que os google bots estão atrás são falhas que mostrem que o seu blog ou site não são ideais para quem pesquisa tal termo. Mas como, de fato, eles fazem isso? Quais são os critérios utilizados? Onde entram, nessa história, as palavras chaves?

Vamos desvendar e aplicar juntos cada uma das nossas dicas e conquistar o primeiro lugar nas buscas do google!

 

USABILIDADE DO SITE TAMBÉM CONTA!

Muitos acreditam que um trabalho no conteúdo do blog e do SEO interno é suficiente pra ficar em uma boa posição no google. Pois não poderiam estar mais errados. O site precisa ter um bom investimento em usabilidade direcionada para quem é a sua persona. Se você não conhece os termos UX/UI, essa é uma boa hora pra conhecer:

 

UX E UI: PARTES FUNDAMENTAIS DA SUA NAVE

Experiência do usuário e Interface do Usuário são termos recentes que integram não só a parte do design mas, também, de escrita. É fácil entender: tanto o UX quanto o UI focam em dar a melhor experiência para sua persona enquanto ela estiver no seu site. Isso afeta diretamente no que a sua persona vai achar da sua marca e como ela vai ser lembrada depois.

Uma boa usabilidade também entra nos quesitos do robôs do google pra entender que a sua empresa é séria e oferece bons conteúdos para o seus clientes. Afinal, se o seu site estiver sempre fora do ar, tiver páginas que não dão em lugar nenhum ou que não tem como sair… Ela não se preocupou o bastante com os seus clientes.

 

SEO INTERNO E EXTERNO

Muito se fala de como um bom SEO ( Search Engine Optimization ) ajuda na batalha contra os robôs do google. Mas onde fica, na estrutura de um site, o tal do SEO? É só trabalhar as postagens com palavras chaves e tá tudo certo? Como funciona uma boa estrutura de SEO?

Bem, vamos começar pela seguinte informação: não basta trabalhar palavras chaves em conteúdo pra ter um bom SEO. Vamos simular o que acontece quando um google bot encontra o seu site. Primeiro que, para ele ser encontrado, o seu conteúdo precisa estar nas tags de html certas. Ou seja, o código do seu site também precisa estar otimizado. Utilizando as tags certas, o robô vai te encontrar, mas ainda não é garantia de que ele ache que o seu site é bom o bastante para a primeira página. Por isso, dentro das tags no próprio HTML é necessário que estejam inseridas as palavras chaves corretas.

Okay. Então trabalhar as palavras chaves dentro do conteúdo não é importante?
Mas é claro que é. Afinal, os google bots observam também o uso do SEO na parte externa do site (aquela que a sua persona vai ver). Por isso fique atento a esses dois aspectos que são receita pro sucesso.

 

CONTEÚDOS RELEVANTES: O QUE TENHO A VER?

E por falar em conteúdos com boas palavras chaves, não basta só usá-la muitas vezes ao longo do texto não, okay? O seu conteúdo precisa ser de qualidade e relevante para seu público. E como os robôs sabem que um conteúdo é relevante? Lendo um por um? Claro que não. Os google bots fazem uma “leitura superficial” do que está acontecendo na sua postagem. Eles observam se o texto tem subtítulos com a palavra chave, se o seu texto não é muito longo nem muito curto, se as suas frases são coerentes e se a sintaxe do texto estão okay.

Além disso, ganha pontos extras os conteúdos que possuem um bom link building. Calma, vou explicar. Link Building são os links que aparecem durante toda a postagem. O correto é que esses links apontem não só pra outros conteúdos dentro do seu site, mas, também, para conteúdos relevantes de outros sites.

 

PALAVRAS CHAVES NO SEO INTERNO E EXTERNO

Chegamos a uma das grandes estrelas da batalha contra os google bots: as palavras chaves. Elas devem ser cautelosamente mapeadas de acordo com o que você tem a oferecer, o que a sua persona procura e o que é relevante neste momento. A palavra chave certa vai unir esses três mundos perfeitamente.

Mas, claro, também precisamos entender e analisar com cuidado o CPC da palavra chave em questão. O CPC é de extrema importância na hora de você divulgar o seu site ou produto através de anúncios online.

 

OS LEILÕES DE PALAVRA CHAVE NO GOOGLE

Esse é um assunto muito complexo que, provavelmente, vamos falar com mais profundidade em outro conteúdo aqui do blog. Nesse tópico vamos entender um pouco sobre o custo de cada palavra chave ( você não achou que as melhores armas de SEO iam ser de graça? ;D ) e sobre diferentes tipos de key words.

O google leiloa constantemente suas palavras chaves mais buscadas. E quanto mais buscas elas recebem, mais alto o seu valor por cada clique que recebe. Então um dos primeiros desafios de quem lida com o marketing digital é, além de encontrar a palavra que une os três, encontrar uma palavra que não custe milhões por clique. Geralmente, a solução pra esse problema se encontra nas long tails keywords.

As palavras chaves podem ser divididas em dois tipos: short tail e long tail. Como o nome já indica, as palavras chaves short tail são palavras chaves curtas e, por consequência, menos específicas, com CPC maior e MUITA busca. O que nem sempre é bom: muita busca pode atrair personas que não estão realmente precisando do seu produto agora.

Já uma palavra chave long tail são key words longas, muito específicas e com um CPC menor. Por serem bem específicas, vão atrair um tipo de público muito mais certeiro que uma short tail.

 

GOOGLE ANALYTICS PARA METRIFICAR TUDO ISSO

Registrar o seu site no google analytics é essencial. Todas essas estratégias seriam o equivalente a nada se não forem analisadas com cautela e discutidas para um melhor resultado (lembra dos KPI’s da outra postagem? É aqui que eles entram). Sempre configure o analytics e preste atenção no que está acontecendo com o seu conteúdo e com o seu site!

Uma tonelada de coisas a ser feita, certo? Por isso conte com a ajuda de uma equipe especializada em estratégias de marketing online pra te ajudar em tudo isso. O marketing digital não é uma tarefa fácil se bem feita e aqui na Braga entendemos que nem sempre você vai ter tempo pra lidar com tudo isso que descrevi acima. Pode contar com a gente pra te ajudar!

 

VEM PARA O LADO BRAGA DA FORÇA

 

E se você quiser continuar a aprender sobre marketing digital, continue acompanhando nossa série. No próximo capítulo vamos explorar o mundo dos vilões do marketing digital. Quais as práticas que vão matar a sua estratégia online? Só clicar aqui e descobrir. Até a próxima postagem!

Postagens Recomendadas
Fale com a gente

Envie a sua mensagem. Responderemos em breve.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Google Bots Braga Design Page Rank